19 março, 2011

Linda

Fernanda Nobre e Gillray Coutinho

Fernanda Nobre atua ao lado de Gillray Coutinho na comédia romântica “Linda”. A grande estreia foi nesta sexta-feira (18), no teatro do Espaço SESC - Mezanino, em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Já na primeira apresentação foi um sucesso, com plateia lotada, também contou com a presença das atrizes Marieta Severo, Rafaela Mandelli e Priscila Fantin que foi acompanhada com o namorado, Renan Abreu, entre outros astros globais.

Não percam, porque uma oportunidade dessa não acontecerá de novo tão cedo!

Multifuncional com muito prazer! Essa frase poderia ser dita por Gillray Coutinho, que co-dirige, atua e assina a comédia romântica Linda, que estreou ontem, às 21h30, no Espaço Sesc – Mezanino, em Copacabana. Premiado no Rio e São Paulo por sua atuação em O Púcaro Búlgaro (que em 2011 volta em turnê com o elenco original), Gillray Coutinho atua ao lado de Fernanda Nobre.

“É bastante prazeroso fazer as três coisas. A profissão tem essas coisas, mas estou bem assessorado. Com a direção de Aderbal (Freire Filho) não tenho com que me preocupar. Tô trabalhando nesse projeto há muito tempo, mas tenho uma equipe de primeira linha. Mas claro que tenho de ficar com um olho no padre e outro na missa”, comenta Gillray.

Inédito, o texto de Gillray Coutinho trata do envolvimento entre um advogado de meia idade e uma jovem candidata a atriz, que não conseguem conciliar o relacionamento com suas ideias inteiramente diferentes. Álvaro e Linda são o protótipo do casal contemporâneo, incapazes de viver plenamente juntos, impossibilitados porém de se separarem definitivamente.

“A peça tem vários temas. A linha principal é o relacionamento dos dois, mas trata de vários assuntos correlatos. São mundos diferentes, ela uma atriz linda e ele um advogado mais velho que por alguma razão se apaixonam e se envolvem”, diz.

A peça desconstrói o tempo, a vida e o destino de dois personagens que se engalfinham em questões que envolvem a necessidade de ser prático e o desejo de ser feliz.

Qualquer semelhança com a realidade pode ser mera coincidência, ou não, pois a peça não tem um compromisso exatamente realista, mas tem estrutura narrativa. Talvez o compromisso maior seja de refletir sobre a realidade.

“Tem uma hora que os personagens se perguntam se realmente se amam, questionam sobre o que fez eles se aproximarem. Não se trata de uma mensagem, mas várias questões importantes da existência contemporânea”, revela Gil, que escolheu por um cenário simples e interessante ao mesmo tempo.

“Nossa montagem segue as tendências modernas da experimentação. Queremos construir um espetáculo despojado e ao mesmo tempo comunicativo, concentrando a atenção da plateia basicamente no trabalho de interpretação dos atores”, explica Gillra

FICHA TÉCNICA
Texto: Gillray Coutinho
Direção: Aderbal Freire Filho e Gillray Coutinho
Elenco: Fernanda Nobre e Gillray Coutinho
Cenografia: Fernando Mello da Costa
Figurinos: Bia Salgado
Iluminação: Djalma Amaral
Trilha sonora original: Marcelo Neves
Assessoria de imprensa: Ney Motta
Programação visual: Marcela Nobre
Fotos de divulgação: Guga Melgar
Assistente de direção: Fernando Philbert
Produção executiva: Tiago Lopes
Direção de produção: Willian Taranto
Produção e realização: Taranto Produções Artísticas


SERVIÇO
Nome da peça: Linda
Texto: Gillray Coutinho
Direção: Aderbal Freire Filho e Gillray Coutinho
Elenco: Fernanda Nobre e Gillray Coutinho
Local: Espaço Sesc – Mezanino. Rua Domingos Ferreira 160, Copacabana. Tel. 2547-0156
Capacidade de público: 120 pessoas
Estreia: 18 de março, sexta-feira, às 21:30h
Horários: quintas e domingos às 20h; sextas e sábados às 21:30h
Ingressos: R$16,00 (inteira), R$8,00 (meia), R$ 4,00 (comerciário)
Duração: 70 minutos
Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 16 anos
Até 10 de abril de 2010


GÊNERO
Comédia romântica


SINOPSE
Sinopse longa: Álvaro e Linda são o protótipo do casal contemporâneo, incapazes de viver plenamente juntos, impossibilitados porém de se separarem definitivamente. Engalfinham-se em questões que envolvem a necessidade de ser prático e o desejo de ser feliz.
Sinopse curta: Jovem e bela atriz e um advogado de meia-idade vivem um conturbado relacionamento amoroso.


ATENDIMENTO À IMPRENSA
assessoria de imprensa Ney Motta
arteContemporânea comunicação
21 2539-2873 e 8718-1965
neymotta@terra.com.br