12 julho, 2011

RJ terá 'réveillon ecologicamente correto' em 2011

 

Riotur quer réveillon com tema sustentável

réveillon copacabana

“A agenda ambiental não poderia ficar fora da festa de réveillon”, diz o secretário, explicando que, até o fim do mês de agosto, divulgará o nome da empresa vencedora para, com isso, começar mais cedo a divulgar a festa entre os brasileiros e no exterior.

“Uma festa ecologicamente correta”. É isso que deseja o secretário municipal de Turismo, Antônio Pedro Figueira de Mello, para o réveillon de Copacabana, na Zona Sul do Rio, este ano. Na próxima semana, segundo anunciou o secretário na tarde desta terça-feira (12), a Riotur lança a licitação para a escolha da empresa que organizará a festa e, entre as exigências, está a apresentação de projetos de sustentabilidade, não apenas como tema da festa, mas que tenham efeito no próprio evento.

“Queremos um réveillon mais sustentável, não apenas este ano, mas daqui para a frente. As empresas podem apresentar sugestões simples como fazer os convites com papel reciclado, e até mais complexas como tratar os resíduos e neutralizar as emissões de carbono”, explica Antônio Pedro.

Meio ambiente é tema do réveillon
Meio ambiente é o tema do réveillon deste ano, proposto pela Prefeitura do Rio, uma vez que a cidade sediará em junho do ano que vem a Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio+20), duas décadas depois da Rio 92.

Segundo o secretário, também serão lançados editais para tentar obter patrocínio para festas em outros bairros do Rio como Barra da Tijuca, Flamengo, Sepetiba, Guaratiba, Piscinão de Ramos, Penha, Ilha do Governador e Paquetá.